O que são as opções Vanila em trading?

Fazer trading com opções vanilla é uma forma de operar nos mercados financeiros; além disso, essas opções não precisam de compra e venda de nenhum ativo subjacente. Neste post você conhecerá o que são as opções vanila, como funcionam e um exemplo de como operar com elas se você tem uma conta de trading.

O que são as opções Vanila

As opções vanila são contratos que permitem que você se pronuncie sobre o movimento de um ativo subjacente. Então, quando você compra uma opção, terá o direito, mas não a obrigação de comprar ou vender uma quantidade determinada de um instrumento financeiro por um preço específico e em uma data já estabelecida.

Ou seja, as opções vanila são muito semelhantes aos contratos futuros, mas a principal diferença é que você não tem a obrigação de realizar uma operação se não quiser. Da mesma forma, as opções vanila são tipos de derivativos financeiros, pois quando você opera com essas opções, está operando com um produto baseado em um mercado subjacente, em vez de possuir um ativo associado a esse mercado.

Isso lhe dá a possibilidade de se beneficiar da alavancagem e das altas e baixas dos mercados.

Como funcionam as opções vanila

Existem 2 tipos de opções vanila (ambas estão disponíveis para comprar ou vender):

  • Comprar (call) lhe dá o direito, mas não a obrigação, de comprar um mercado a um preço específico em uma data estabelecida. Isso lhe dá uma posição longa no mercado.
  • Comprar (put ) lhe dá o direito, mas não a obrigação, de comprar um mercado a um preço específico em uma data estabelecida. Isso lhe dá uma posição curta no mercado.
  • Vender (call) lhe dá a obrigação de vender um mercado a um preço específico em uma data estabelecida. Por isso, você venderá uma opção call se acredita que um mercado vai se manter ou diminuir de preço.
  • Vender (put) lhe dá a obrigação de comprar um mercado a um preço específico em uma data estabelecida. Por isso, você venderá uma opção put se acredita que um mercado vai se manter ou diminuir de preço.

Variáveis que afetam o preço nas opções vanila

As variáveis mais importantes que afetam o preço das opções vanila são:

Variáveis que mais influenciam nas opções vanila 
A volatilidade do mercado subjacente 
O tempo restante até a opção expirar 
O nível onde o mercado subjacente está 
  1. A volatilidade do mercado subjacente. Quanto mais volátil for o mercado subjacente, mais chances a opção tem de mudar de out of the money para estar in the money.
  2. O nível onde o mercado subjacente está: quanto mais perto uma opção estiver de estar in the money, maior tende a ser a prima.
  3. O tempo restante até a opção expirar. As opções com datas de vencimento maiores têm mais tempo para estar in the money.

O que é a prima nas opções vanila

A prima (ou prêmio) nas opções vanilla em trading é o preço atual de mercado de um contrato de opção. Isso significa que é a renda recebida pelo vendedor (escritor) do contrato de opção para outra parte. Os prêmios das opções “in-the-money” são compostos por dois fatores: valor intrínseco e valor extrínseco. Já os prêmios das opções “out-of-the-money” consistem apenas de valor extrínseco. Para opções de ações, o prêmio é cotado como um valor em dólar por ação, e a maioria dos contratos representa o compromisso de 100 ações.

Operar com opções vanila

Operar com opções vanila envolve a negociação de contratos de opções que dão ao comprador o direito, mas não a obrigação, de comprar (opção de compra) ou vender (opção de venda) um ativo subjacente a um preço pré-determinado (preço de exercício), em, ou antes de uma data específica (data de vencimento). As opções vanila são o tipo mais básico de opção sendo utilizadas tanto para especulação quanto para hedging (proteção). Aqui estão os principais conceitos e etapas envolvidos na operação com opções vanila:

1. Escolha do Ativo Subjacente

A primeira etapa é escolher o ativo subjacente sobre o qual a opção será negociada. Isso pode incluir ações, índices, commodities, moedas, entre outros.

2. Decisão entre Opção de Compra ou de Venda

  • Opção de Compra (Call): Dá ao comprador o direito de comprar o ativo subjacente.
  • Opção de Venda (Put): Dá ao comprador o direito de vender o ativo subjacente.

3. Definição do Preço de Exercício e Data de Vencimento

O preço de exercício é o preço pelo qual o ativo subjacente pode ser comprado ou vendido. A data de vencimento é quando a opção expira. Esses fatores influenciam o prêmio da opção.

4. Pagamento do Prêmio

O comprador da opção paga um prêmio ao vendedor. Este prêmio é determinado por vários fatores, incluindo o preço do ativo subjacente, a volatilidade, o tempo até a expiração, e o preço de exercício.

5. Execução da Opção

  • Se, na data de vencimento (ou antes, no caso de opções americanas), a opção estiver “in-the-money” (lucrativa), o comprador pode exercer seu direito de comprar ou vender o ativo subjacente.
  • Se a opção estiver “out-of-the-money” (não lucrativa), ela é geralmente abandonada, resultando na perda do prêmio pago.

6. Estratégias de Operação

Existem várias estratégias de operação com opções vanilla, desde as mais simples, como a compra direta de calls ou puts, até estratégias mais complexas que envolvem múltiplas opções, como spreads, straddles, e strangles, cada uma com seus próprios riscos e recompensas.

7. Considerações de Risco

Operar com opções vanila pode oferecer alto potencial de lucro, mas também envolve riscos significativos, principalmente a perda total do prêmio pago pela opção. É crucial entender bem esses instrumentos financeiros, avaliar os riscos e gerenciar o capital prudentemente.

Operar com opções vanila requer não apenas um entendimento profundo dos conceitos básicos das opções, mas também uma análise cuidadosa do mercado e uma estratégia clara. Investidores e traders usam opções para diversificar portfólios, proteger investimentos existentes ou especular sobre a direção futura dos preços dos ativos, sempre considerando os riscos envolvidos.

Artigos Relacionados

Deixar uma Resposta

Leave a Comment

Sii il primo a commentare!
Commento