10 erros que os investidores cometem ao investir. Isso acontece com você?

Quando alguns começam a investir é normal buscar manuais sobre como investir ou até mesmo alguns de nossos guias, ou artigos publicados sempre encontram como investir, mas poucos recursos falam sobre os erros comuns ao investir.

Neste artigo, contamos quais ocorreram comigo ou que vi em nosso fórum por vários usuários.

Erros comuns ao investir

1. Interromper a capitalização

anexo

Quando se trata de investir, o tempo é importante.

Para maximizar a rentabilidade, é necessário manter os investimentos pelo maior tempo possível.

A necessidade de aumentar a rentabilidade a curto prazo força a venda e interrompe a capitalização.

2. Operar com muita frequência

Fazer operações baseadas nas notícias dos negócios a cabo não é investir; é especular.

A especulação garante retornos inferiores.

O verdadeiro investimento consiste em dar aos ativos a oportunidade de render durante anos, não minutos.

Manter o curso é a chave para criar riqueza.

3. Comprar com margem

Pedir dinheiro emprestado para comprar valores é um grande erro.

O risco é ser forçado pela sua agência de valores a vender as ações com perdas para devolver o empréstimo.

Os investidores de longo prazo não devem usar a margem. É uma estratégia especulativa.

4. Não reequilibrar

O mercado está sujeito as oscilações ao longo dos anos.

O reequilíbrio mantém você diversificado e evita que sua riqueza se concentre em um pequeno número de investimentos.

A diversificação também lhe dá tranquilidade durante os mercados em baixa.

5. Se deixa levar pela euforia do mercado

O mercado não rende 20% ao ano.

Quando isso acontece, os investidores querem maximizar seus lucros com os valores mais atraentes.

A realidade é que, em 80 anos, o mercado retornou um pouco menos de 10% ao ano.

Deixe-se guiar pela história.

Ninguém pode prever com precisão a direção do mercado.

Encontrar grandes empresas também é difícil porque as grandes empresas de hoje podem se tornar as atrasadas de amanhã.

Por isso, comprar e manter um índice a longo prazo é a melhor estratégia.

6. Investir com um custo de transação muito alto

Entrar e sair de um investimento pode ser realmente caro.

Seja em ações ou imóveis, certifique-se de ter uma mentalidade de longo prazo.

Vender investimentos muito cedo gera custos de transação que consomem a rentabilidade.

Aqui deixo uma lista de 3 corretores internacionais que requerem baixo custo:

 

7. Acreditar que você precisa vencer o mercado para ter sucesso

Investir com sucesso não significa vencer o mercado.

Trata-se de investir de uma maneira que o ajude a alcançar seus objetivos de longo prazo.

Comprar no mercado com fundos indexados é tudo o que você precisa para ter sucesso e obter o retorno do mercado.

8. Não investir o suficiente

Quando você adquire o hábito de investir, é importante que também adquira o hábito de investir mais.

À medida que seus recursos aumentam, também deve aumentar a quantidade que você investe.

Quanto mais investimentos, mais chances de ter uma poupança decente.

9. Tratar sua casa como um investimento

Uma residência principal é um investimento?

Sim, você está acumulando patrimônio, mas e se os preços dos imóveis caírem?

Além disso, você está pagando hipotecas, impostos, seguros e custos de reparo.

As casas são ótimas, mas não substituem a aposentadoria.

10. Falta de diversificação

A diversificação em diferentes empresas, indústrias e regiões mitiga o risco de mercado.

É um fator importante para a rentabilidade dos investidores.

Não assuma um risco desnecessário investindo em um único setor ou empresa.

Conclusões

Esses erros não são os únicos, existem muitos mais. Principalmente aqueles relacionados a plataformas, ordens, moedas, comissões ocultas, que ocorrem no dia a dia.

Também os vieses cognitivos nos afetam e são uma grande parte de nossa maneira de investir e justificativa para vários desses erros.

Artigos Relacionados

Deixar uma Resposta

Leave a Comment

Sii il primo a commentare!
Commento